Universidade do Minho

 

Escola de Engenharia

Mestrado Integrado em Engenharia de Materiais - MIEMAT

 

 

Curso

Objetivos

Estrutura

 Plano de Estudos

Links

 

Acesso

 Perfil de formação

 Saídas profissionais

Contactos

Dir. Curso

Alunos

 Vida no Campus

 

 

 

 

O plano de estudos em vigor permite a obtenção do grau de licenciado quando é obtida formação nos três primeiros anos letivos, num total de 180 créditos obrigatórios, ou o grau de Mestre, obtido num período deformação de cinco anos, com um total de 300 créditos. Este ciclo de estudos é designado por Mestrado Integrado em Engenharia de Materiais.

 

Com a formação num período de três anos (180 ECTS, sendo 40 ECTS em ciências básicas, 20 ECTS em ciências de engenharia e 120 em ciência e engenharia dos materiais) é conferido um diploma de licenciatura em Ciências da Engenharia Ramo Materiais. Os alunos ficam aptos para prosseguir os seus estudos de especialização noutros mestrados afins ou para exercer profissionalmente a atividade de licenciado em engenharia de materiais. Este ciclo tem como objetivos promover a mobilidade dos estudantes a nível nacional e europeu.

 

Em ambas as tipologias de formação, 3 ou 5 anos, é promovido o ensino por projeto, pela criação de UCs de Laboratórios Integrados, cujo objetivo é a integração dos conhecimentos das UCs envolvidas no respetivo semestre, na elaboração de trabalho de carácter teórico-prático. Estes trabalhos são executados em grupo, promovendo a comunicação, coordenação e execução de tarefas pelos vários elementos dos grupos. No 4º e 5º ano, é promovida a formação individual do aluno, com as UCs designadas por Projeto Individual (10 ECTS) e Dissertação em Engenharia de Materiais (35 ECTS) que pode ter um caráter mais científico ou profissionalizante.

 

A continuação dos estudos para obtenção do grau de Mestre tem sido a opção privilegiada pelos alunos. Assim, no 4º ano predomina a formação em ciências e engenharia de materiais e no 5º ano decorrem as UCs com opção que permitem ao aluno a especialização numa área da sua preferência ou formação de natureza transversal (opção UMinho) que deverá valorizar os resultados de aprendizagem nos domínios da ética, do pensamento crítico, do pensamento científico, do empreendedorismo ou da criatividade. É também possível suprimir ou adicionar novas UCs a cada grupo de opções, permitindo acompanhar melhor as evoluções tecnológicas bem como temáticas emergentes.